Por Sua Parte, Kazai Et Al. 2

Por Sua Parte, Kazai Et Al.

O crowdsourcing é determinado numa infinidade de ocasiões, sendo Jeff Howe o primeiro a fazê-lo e cunhar o termo. Outros autores deram a sua versão da descrição. Daren e nelson piquet, tais como, reitera que o crowdsourcing é um padrão estratégico para atrair uma multidão interessada e motivada de indivíduos, capazes de fornecer soluções superiores em característica e quantidade, àquelas que poderiam fornecer maneiras de negócio habituais”.

Por sua divisão, Kazai et al. Howe explica que, devido aos avanços tecnológicos que permitiram o consumo de eletrônica de menor preço, a diferença entre profissionais e amadores diminuiu. Em consequência, as empresas podem desfrutar o talento das pessoas, assim Howe declara que “Não é a externalização (outsourcing), é o crowdsourcing”.

Projetos que fazem uso de grupos de inteligência, como o LazyWeb ou o ESP Game(Jogo ESP) de Luis von Ahn, antes da invenção da frase, desde há diversos anos. Recentemente, a Internet tem sido usada para oferecer a perceber e gerir projetos de “crowdsourcing”. A idéia é adquirir recursos de capital humano, pra executar objetivos específicos, através da constituição de produtos de forma colaborativa pra catapultar um empreendimento.

  • Assumem que o dinheiro é uma vara de medida do valor intangível
  • Em atividade da pontuação, resolver quem será oferecido o posto
  • “T. O. P” de KP & URU (eps. 40-52)
  • 4 Obras públicas
  • Rotas dos escravos [2]
  • Quais são os truques de magia que prefere

O crowdsourcing é um paradigma de realização e resolução de dificuldades. Normalmente, as dificuldades são transmitidos a um grupo de pessoas desconhecidas a começar por uma convocatória aberta para que essas os solucionem. Os usuários formam comunidades on-line e sugerem soluções. As comunidades também revisam as soluções pra descobrir erros ou melhorá-las.

Uma vez decididas e escolhidas as excelentes soluções passam a ser a entidade que propôs o primeiro problema: o organizador. Às vezes, as pessoas que propuseram as excelentes soluções são recompensadas. Em alguns casos, o serviço é bem recompensado, seja a partir de dinheiro, prêmios ou reconhecimento.

Em outros casos, a única recompensa é o prestígio (kudos), ou a alegria intelectual. As soluções de crowdsourcing são capazes de ser amadores ou voluntários que trabalham em seu tempo livre, ou de especialistas ou corporações de pequeno porte que eram desconhecidos pra organização que expôs o problema. O emprego do termo foi estendido para adicionar modelos em que é distribuído entre as pessoas em geral, um serviço específico. Empresas como CloudCrowd e CrowdFlower não fazem uso o clássico crowdsourcing já que os colaboradores não trabalham em conjunto ou coletivamente na revisão das soluções.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima