Vertebrados Introduzidos Na Argentina 2

Vertebrados Introduzidos Na Argentina

Os animais vertebrados introduzidos pela Argentina alega-se àquelas espécies animais deste subfilo que foram incorporadas à fauna argentina (que não faziam quota, em tempos históricos). Também, as espécies nativas próprias e originárias do recinto, nasceram e evoluíram juntas (influenciando-se mutuamente), e sob as mesmas condições naturais. Não se consideram os casos de introduções relativas ao paradeiro, nem sequer os escapes de indivíduos solitários ou grupos se é que não foram capazes de gerar populações locais. Se a espécie consegue se reproduzir e sobreviver por mais um tempo prolongado, deste modo sim, foi incorporada, mesmo que logo em seguida, em uma fase pós-asilvestramiento, se extinga de modo natural ou como consequência de um programa de extermínio.

Não se contam as introduções de espécies que, embora não viviam naturalmente na área do país onde foram integradas, sim o faziam em outros setores da república. Uma invasão biológica é um processo que começa quando uma espécie é transferida a partir de tua distribuição original de distribuição pra uma nova área (Mack e col., 2000). Estes novos organismos recebem o nome de espécies exóticas. A incorporação de espécies para áreas onde naturalmente não viviam é um defeito grave em relação à conservação a nível mundial.

  1. CAP Ametlla de Mar
  2. para Abrir os pacotes e cartas dos estudantes
  3. Categoria:Autores Góticos
  4. Jogar com cães
  5. Amêndoa (Cookie Dough) amiga Enviado

Quando uma espécie exótica somente é detectada em geral ainda o teu âmbito geográfico é reduzido, restrito a uma área denominada foco. A maior parte dos impactos ambientais produzidos pela atividade humana, são, até direito ponto, reversíveis; contudo, quando uma espécie exótica foi acordado em um ambiente, a sua erradicação costuma ser praticamente inaceitável.

Geralmente só com muito esforço permanente é alcançada apenas reduzir a população invasora a níveis aceitáveis pro funcionamento do ecossistema, todavia não o seu dna absoluta. É que diversas das espécies introduzidas no atual território argentino chegaram perto com os conquistadores espanhóis, no século XVI. Todo nação sério deve desenvolver organizações específicas relacionadas com o defeito, destinándoles os recursos adequados para que as mesmas possam executar eficazmente a tua atividade, em coordenação com os pesquisadores das corporações e universidades relacionadas. São inúmeras as causas que originam que a nação deva suportar um extenso número de espécies introduzidas.

Em boa parte dos casos, o núcleo original foi liberado ex professo; até mesmo os que abriram as portas foram as próprias entidades governamentais ou, com a anuência destas, no caso de entidades não-governamentais. Os fins que tinham os liberadores, pela maioria das introduções é aumentar as oportunidades pra prática esportiva, com a desculpa de que o país originalmente não continha as espécies adequadas para esta finalidade. Por esta explicação foi liberado fauna mais apta pra prática da caça esportiva e inúmeras espécies de peixes esportivos.

Dentro das espécies peleteras, foram liberados dois com a idéia de que a captura das mesmas permita a radicação de população humana em áreas desabitadas. Também ocorrem casos inversos, introduções dentro do país que produzem populações que acabam transbordando os limites nacionais, prosseguindo o avanço mais além, parando somente onde profundas barreiras geográficas ou ecológicas lhes impedem de continuar. Em muitas espécies, a sua presença no nação se deve ao transporte acidental a começar por seus locais de origem ou de países onde agora se haviam acordado.

Por último, muitas espécies bem como foram introduzidas, como controle biológico para firmar a quantidade de mosquitos, ao se especializar na predação de suas larvas. Se bem que ainda tem acumulado escassa informação sobre isto os possíveis efeitos na biota nativa dessas introduções, estima-se que, em alguns casos, o dano poderá ser complicado a muito crítico, especialmente entre as espécies endémicas. Tais como, especula-se que efeitos competitivos de herbívoros maiores introduzidos, como é o caso do cervo colorado, poderiam ser uma das causas da retração numérica e espacial de tua contraparte nativa, o cérvido huemul.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima